Dinheiro na mão é vendaval...

Veja aqui uma lista com 10 despesas fixas (ou quase) comuns na classe média que podem facilmente ultrapassar um salário mínimo cada.

Quanta diferença faz a metragem de um apartamento?

Três quartos e uma suíte é uma das configurações mais comuns nos lançamentos imobiliários - comparamos as plantas de 61 até 132m² para esse perfil.

Animes inteligentes: como explicar isso para leigos?

Explicando o esquema de alguns dos melhores animes do momento em um artigo original. Gênios do mal com boas intenções, extermínios em geral, filosofia e muitas discussões ideológicas...

Nulificação, o lado macábro da BodyMod

Um dos primeiros artigos do blog, original: virou referência sobre o tema na internet e foi plagiado por diversos blogs... Saiba mais sobre a macábra prática de subtrair partes do próprio corpo para modificá-lo.

Quantos megas tem a sua internet? 1, 2, 3, 4, 6, 10, 12, 15, 20, 30, 50, 100...? Tanto faz, mas uma coisa é certa: você paga por esse serviço (ou os seus pais, ou sei lá quem, ou ninguém paga mas você usa de qualquer jeito) - anyway, esse artigo pressupõe que você deseja fazer o melhor uso possível desse recurso que lhe foi concedido, a internet banda larga.



O artigo foi dividido em três "etapas", que funcionam melhor quando seguidas nessa ordem - é provável que algumas delas já tenham sido executadas na sua rede, nesse caso é só "pular" para a próxima. =)

Etapa I - Saiba onde você quer (pode) chegar

Todas as etapas posteriores tem como objetivo fazer com que sua conexão seja aproveitada ao máximo; aqui é onde vamos descobrir qual é esse "máximo", a referência que será usada para ver se a sua conexão está uma droga ou não.

Em primeiro lugar, precisamos entender o que são os megas contratados nos planos de internet... Vou usar como exemplo a minha própria conexão, um Virtua de 10Mb.

Quando eu estiver fazendo um download de um servidor com alta capacidade de transmissão, de preferência fisicamente próximo ao meu domicílio, o máximo que dá para esperar da velocidade é 1.2MB/s... E se chegar nisso, eu estarei temporariamente feliz e satisfeita por ser uma NET. =D

OK. Mas eu não contratei 10Mb?!?

Pois é, esses 10Mb poderiam ser apenas um nome fantasia tipo o Zerocal e suas 0,007kcal por gota... Mas não é uma nomenclatura bonitinha que alguém inventou, é um valor real que realmente estará chegando em casa se eu baixar algo a 1.25MB/s. De fato, 10Mb(megabits) e 10MB(megabytes) são valores completamente distintos no mundo computeiro, mas ambos indicam a mesma coisa: uma "quantidade" de dados.

OK, agora abra a calculadora do Windows... Vamos usá-la bastante como tira-teima durante esse tutorial.

Dados importantes:
  • Cada megabit[Mb] é equivalente a 128 kilobytes[kb].
  • Cada Megabyte[MB] contém 1024 kilobytes[kb].
Os kilobytes estão naqueles famosos kbp/s (kilobytes por segundo) que os navegadores utilizam para indicar a velocidade de um download. Se você contratou mais de 10Mb no seu plano, talvez ele mostre a velocidade em MB/S.

Para fazer com que a velocidade que as empresas anunciam faça sentido, iremos converter Mb (megabits) para MB (Megabytes) através dessa simples operação...

1024 ÷ 128 = 8



Agora, é só dividir o valor dos Mb que te venderam por 8. No caso do meu Virtua, ficou assim:

10 ÷ 8 = 1,25

No meu caso, os 1.25MB/s da velocidade máxima alcançada seriam a mesma coisa que 10Mb/s - e a NET estaria cumprindo o que prometeu.

Dica: Se quiser, decore esse valor "8" - será essencial para espalhar a informação por aí...

Pronto. Entendo essa parte do esquema, podemos seguir para os próximos passos.

Etapa I,02635 - Saiba onde você está lol
Ah, já estava quase esquecendo dessa... xD
Esses dois testes rápidos servirão para detectar qual o nível de aproveitamento atual da sua conexão.

Teste 1 - Teste Básico do Velocímetro
Existem trocentos sites de "velocímetro" na internet, o meu favorito é o SpeedTest.net - ele seleciona automaticamente o servidor de teste mais próximo da sua localização atual, e é bem conceituado internacionalmente (você pode usar outro se quiser, dicas nos comentários são muito benvindas, etc).

Esse site é usado como referência na maioria dos trackers, e para cada resultado do teste gera um banner tipo esse:



Teste 2 - Teste prático, direto e sem enrolações de download
Para fazer executar esse teste, o único procedimendo a ser feito é iniciar o download um arquivo grande (+300MB) que esteja hospedado em um servidor de alta capacidade próximo da cidade onde você está acessando a internet.


Dica: agora mesmo, eu executei esse teste baixando a distribuição mais recente do Ubuntu - além de ser um teste confiável, é muito bom ter um Linux em DVD para recuperar os arquivos perdidos quando seu Windows te deixa na mão... Pense nisso.

No screenshot, a velocidade está em 924kbp/s.
Multiplicando 924 por 8, teremos 7392 - o que indica uma velocidade de 7,392Mb/s.

Etapa II - Escolhendo um Servidor de DNS Eficiente
Quando você digita uma URL na sua barra de endereço, ela é encaminhada para o servidor de DNS do seu provedor que transforma o www.algumacoisa.com.br em um endereço de IP totalmente nada a ver, que indica onde está hospedado o site que você quer visitar.
Nos primórdios da internet, o pessoal tinha que digitar um IP diferente para cada site a ser visitado - o que deixava as coisas bem mais complicadas... Seria preciso digitar http://74.125.65.104/ ao invés de www.google.com.br, por exemplo.

O servidor de DNS utilizado pela sua conexão já vem configurado automaticamente, mas esse default costuma não ser tão rápido como outras alternativas gratuitas que encontramos internet afora...

No momento, o servidor de DNS mais rápido é sem dúvidas o do Google.

Minitutorial - DNS WTF?!? Como eu mudo essa coisa?!?
É possível alterar o servidor de DNS nas configurações do computador ou direto no roteador (nesse caso, a mudança vai funcionar em todos os PCs da rede). Como cada roteador tem uma interface diferente, e esse é um procedimento mais avançado, vou ensinar apenas a parte do computador aqui.

Windows 7/Vista/XP
1. Abra a Central de Redes e Compartilhamento, clique em Configurações de Adaptador (Win 7) ou Conexões de Rede (Vista). No Windows XP, acesse as Conexões de Rede direto no Painel de Controle.


2. Com o botão direto, clique na conexão que você quer configurar e selecione "Propriedades".


3. Selecione nessa janelinha "Protocolo TCP/IP Versão 4 (TCP/IPv4)" e clique em "Propriedades".


4. Configure os servidores de DNS como na imagem abaixo:


A configuração mostrada nesse último screenshot aponta para os servidores do Google.


Algumas outras opções competentes são...

DNS Advantage
156.154.70.1
156.154.71.1

OpenDNS.org
208.67.222.222
208.67.220.220

DNS Intelig
200.184.26.3
200.184.26.4

DNS Optiglobe

200.185.6.131
200.185.6.163

DNS Level3
4.2.2.1
4.2.2.2

Thanks to... http://www.abusar.org.br/dns.html

Etapa III - Gerenciadores de Download
Os gerenciadores de downloads são programas especializados apenas em baixar arquivos de links diretos (http ou ftp) da internet da forma mais eficiente e conveniente possível.

Eficiente porque a velocidade costuma aumentar consideravelmente quando eles entram em ação.
Conveniente por oferecer possibilidades como pausar e continuar downloads, limitar a banda utilizada, desligar o computador automaticamente ao término das trasferências, etc.

Existem inúmeras opções de gerenciadores de download por aí; como a maioria deles funciona basicamente no mesmo esquema, qualquer um que não venha com spyware/adware/derivados já serve. O resto vai do gosto de cada um...

Eu tenho três gerenciadores instalados nesse laptop, e uso cada um para uma função diferente.

Dois deles são extensões para o Firefox (descrição e screenshots nos respectivos links)

Também utilizo o Orbit, que é simples, leve e fácil de configurar. Na instalação, desmarque as opções que instalam a Toolbar e mudam sua página inicial - hoje em dia, qualquer porcaria freeware está vindo com algo parecido... O esquema é ficar atento a cada instalação e não ir clicando em "avançar" sem manter um mínimo de contato visual com cada janela. Os usuários do Orbit e do Free Download Manager costumam entoar argumentos conflituosos de vez em quando, então aqui está o link do FDM.


Geralmente, a velocidade "total" só é atingida com os gerenciadores. O screenshot acima mostra o Firedownload baixando o mesmo Ubuntu que eu indiquei no início do tópico numa velocidade de 1.3MB/s - ou seja, 10,4Mb! Olha como a NET está sendo boazinha comigo...

Dica: eu só mando o link para os gerenciadores de download quando o arquivo passa de 100MB, senão é desnecessário e só aumenta a "burocracia" do processo.

Pronto.
Considerando essas três dicas básicas, a sua experiência cibernética no acesso à internet deve ter sido consideravelmente otimizada. Existem outras dicas, que não estão aqui porque o artigo já ficou imenso só com essas três...

Considerações Finais
O pessoal mais deve ter sentido falta de algo sobre como abrir portas do modem para acelerar transferências p2p, imagino - mas não tinha como colocar, isso varia muito de modem para modem e pode desestabilizar completamente uma rede, ou abrir brechas de segurança se feito da maneira errada... Melhor deixar quem quer se arriscar e manja da coisa depender do Google. xD

Outro fator importante é como a sua rede foi instalada. Hoje, é comum que as casas tenham mais de um PC - os roteadores viraram figurinha comum... Principalmente no caso das redes Wifi, um router mal posicionado (ex: embaixo da mesa, dentro do armário, etc.), a distribuição de sinal em um canal já saturado ou outros fatores malucos podem prejudicar bastante a velocidade e a estabilidade da conexão.

E aí? Mais dicas? Dúvidas, críticas, sugestões?...


12 pessoas já expressaram suas ideias aqui... Faça-o também. =D

JP-kun disse...

agora entendi perfeitamente, minhas aulas de info, minha professora só disse pra dividir por 8, e pronto, achei que era algo simples, e pratico, grande professora por não explica o porque de 8....


anyway, isso esclareceu muitas duvidas, parabéns pelo blog, está show de bola!!!!

Ivan disse...

Muito bom o post. Apenas uma dúvida; quando clico em Configurações de Adaptador só aparece a minha conexão local, acho que é porque aqui é roteador, mas clicando em prorpriedades, dá na mesma. Quando vo configurar o servidor dns, não tem número nenhum. É pra não ter nenhum mesmo ? É só colocar os números normalmente, mesmo sendo nas propriedades de conexão local ?

Mischa Lewf disse...

Nas Configurações do Adaptador, tanto faz o número de conexões que aparecerem. A Conexão Local é aquela do cabo ethernet e a Conexão de Rede Sem Fio é a placa Wifi. Se você costuma usar mais de uma conexão, vai ter que mudar o DNS em cada uma.

Originalmente, não tem nenhum endereço DNS definido porque ele vai no automático... Quando você coloca os números, ele passa a utilizar o DNS que você escolheu ao invés de pegar qualquer um que esteja sobrando no provedor.

Everton Fujimoto disse...

Detalhe:

1 byte = 8 bits, você não pode ter 8,192 bits porque bit é um pulso elétrico dentro do computador, é um valor inteiro. E cada megabit equivale a 128 kilobytes, não 125. Byte é a unidade de medida para indicar um bloco de informações, em geral, um caractere alfanumérico na memória ocupa 1 byte.

Sugestão:

Eu gosto bastante do DNS do comodo antivirus(gratuito). Instala o comodo e permita que ele troque os DNS quando perguntar. O DNS dele é mais seguro que o do seu provedor de internet e também que esses gratuitos citados, além de ser mais rápido. (antes eu usava o OpenDNS)

Gerenciador de download, eu recomendo o FreeDownloadManager e o que estou usando atualmente, JDownloader (esse é um pouco pesado, mas em compensação, baixa automaticamente para você os arquivos de servers como megaupload, mediafire, rapidshare, etc...)

Projeto Fujimoto

Diogo Silva disse...

Autor do post, tem um programa chamado Namebench que te indica o melhor DNS para seu local, é gratuito.
Dá um procurada ai.
Abraço.

Jefferson Lima disse...

costumo usar como teste o velocimetro copel:

http://speedtest.copel.net/speedtest.swf

Muito bom e te dá valor de ping também, provavelmente do servidor mais próximo.

Anônimo disse...

Que sitezinho de teste de internet BUGADO eh esse???
161 Mbp/s ???
Eu tenhu uma net violenta dessa e não sabia?

Paulo (infodias) disse...

O Namebech que o Diogo citou é muito interessante, há um tempo atrás escrevi um post ensinando como usá-lo.
http://www.infodias.com.br/medidor-de-velocidade-servidor-dns
Para testes de conexão também recomendo o Speedtest da copel principalmente para internet acima dos 4 MB a medição é mais precisa.

Antonio Vieira (Caixa de Dicas) disse...

Muito interessante esta matéria sobre a velocidade da internet!

A Internet no Brasil realmente precisa de postagens de qualidade como estas que você está nos oferecendo.

Conheça também o agregador http://www.caixadedicas.com

Divulgue seus links gratuitamente e receba milhares de visitas diarias.

Anônimo disse...

Um gerenciador de downloads muito prático e funcional é o Jdownloader. Além de ser um gerenciador, ele tem auto-captcha que funciona na maioria dos servidores como fileshare e megaupload.

Anônimo disse...

Grande artigo! Parabéns!

Blog Do cafuxadrez disse...

Estou mudando aqui o DNS a minha conexão é 3G da Claro 2G ilimitado a conexão fica lenta quando acaba os 2G, isso aqui resolve?

▼ Manifeste-se através deste formulário. ▼


"Posso não concordar com uma só palavra do que dizeis, mas defenderei até a morte vosso direito de dizê-lo." - Voltaire


Novidades Velharias
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...